Life

Samsung, onde estavas tu com a cabeça?

13 Outubro, 2016

Resultado de imagem para samsung note 7

Sempre fui uma grande fã dos produtos da Samsung, especialmente desde que adquiri o meu Galaxy S4 há coisa de uns anos atrás (ainda hoje sinto a falta dele). Sempre fui da opinião que os designs e a qualidade dos materiais eram assim dos bons e que de certa maneira me garantia mais segurança do que muito boas marcas que andavam nesse mercado fora, e não se tornava tão corriqueiro como a Apple. O ano passado, com o lançamento do primeiro smartphone do mercado com ecrã curvo, a Samsung ficou em pé de igualdade com a marca número um do mercado, a tão aclamada Apple. Quase nem se mencionava qualquer outra marca sem ser estas duas e na competição que existia entre elas. A Samsung ganhou alguns pontos na corrida, após o lançamento do Iphone 6 Plus que teve alguns desafios de vida após ser adquirido por muito boa gente, uma vez que por ser tão grande, acabava por vergar ou até partir nos bolsos das pessoas. Uma maravilha pensaram todos os fãs da Samsung, aclamando que a Apple tanto queria avançar que fez asneira.

Pois bem, este ano ambas as marcas tiveram fantásticos lançamentos de Smartphone, e cada um deles com capacidades incríveis e sempre melhores do que as versões anteriores, aumentando a “batalha” pelo lugar no pódio. A Apple lançou o iphone 7 e 7Plus, e a Samsung lançou o Galaxy S7 e o S7 EDGE (do qual não tenho razões que queixa absolutamente nenhumas), mais tarde (e a meu ver para fazer concorrência à marca rival) lançou o Galaxy Note 7, que seria o grande topo de gama da marca, com direito a tudo de bom que se pode encontrar num Smartphone/Tablet. Até aqui tudo bem, boas marcas, bons equipamentos, boas tecnologias. Só que tudo o que é bom acaba depressa, e para a Samsung este “depressa” foi do mais rápido que pode haver. Logo após o lançamento e das primeiras unidades terem sido vendidas, o Galaxy Note 7 começou a explodir ou a arder nas mãos das pessoas. Pensou-se que fosse um defeito que alguns poderiam ter, tendo por isso sido efectuado, por parte da Samsung, a recolha e troca por materiais novos. Mas os dias passaram e os relatos de explosão do dito aparelho eram quase diários, e o que não falta nessa Internet fora são fotos e vídeos da situação em questão. Vi ontem um vídeo, em que o aparelho simplesmente começa a fumegar sem parar e após a exposição aos fumos a pessoa desmaia sem mais nem menos. Após este vídeo ter saído para as redes sociais, eis que Samsung emitiu um comunicado afirmando que a segurança dos seus clientes era o mais importante e por isso mesmo tinha sido criada uma recolha intensiva e obrigatória do Note 7, existindo até um kit para a recolha do mesmo, envolvendo uma caixa forrada, um par de luvas de plástico e uma carta oficial da Samsung.

Samsung, isto é grave. Não era suposto existirem testes de fabrico destas coisas antes de elas saírem para as mãos dos utilizadores comuns? Apesar de ainda ser a minha marca preferida e de não ter nenhuma razão de queixa a apontar, acho que este vai ser um momento de queda para a marca dando lugar no pódio à Apple que se vai lembrar de criar outra coisa qualquer para convencer os clientes de que eles é que são bons e seguros. Verdade seja dita, o Iphone pode ter vergado ao meio nos bolsos ou nas malas, mas pelo menos não andava a rebentar com orelhas ou a fazer as pessoas desmaiar. Ainda assim, a Samsung continua  a ter o Smartphone mais bonito do Mundo e pelo menos não rebenta (espero eu).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.