Life

Quando os mais-que-tudo calçam o mesmo que nós.

17 Janeiro, 2017

Image may contain: shoes

Ou menos, neste caso.

Ora bem, estão a ver aquelas situações em que oferecemos aquelas prendas com muito carinho que não nos importávamos de receber também? Este ano, foi este o caso, só que em vez de receber o mesmo, acabei por ficar com ela mesmo. E o caso passou-se com o mais-que-tudo, a quem eu muito atenciosamente ofereci um par de Converse All Star cinzentos, que era mesmo o que lhe fazia falta, com muito amor e carinho. Mas como aqui a apressada não sabe estar quieta, e compra as prendas em meados de Outubro, quando se chega a 25 de Dezembro, já quase nada dá para trocar, e por azar dos azares, o fofinho afirma que os ténis lhe ficam grandes. Oh que pena tão grande que temos, até porque nem calçamos o mesmo número nem nada.

Resultado: Ganhei mais um par de ténis cá para casa (como se sapatos, fossem coisa que não falta) e fiquei toda contente. Ainda que preferisse um par de saltos altos (lógico) admito que gostei de ficar com estes e sem gastar um tostão. A bem ver até gastei, mas ficou a intenção na mesma.

Não é fantástico quando o nosso mais-que-tudo calça o mesmo número que nós? Quantas pessoas é que podem tirar proveito  e gabarem-se disso? Acredito que não muitas, mas eu consigo ser uma delas, com estes meus pés de Cinderela que me permitem dormir de pé.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.