Fashion&Style

Parece a montra de uma loja, diz ele.

24 Março, 2016

image

Mulher que é Mulher, ainda que não admita, já pensei ou gostava de ter em casa uma prateleira cheia de sapatos ou malas, ou até roupas expostas como se vê nos reality shows das estrelas que não são estrelas. E escusam de negar, porque toda a gente acha piada. Toda a gente, menos os mais-que-tudo. Ou pelo menos o meu.
De acordo com as teorias dele, o que eu pretendo vir a ter um dia mais tarde numa futura casa onde possa por e dispor as coisas à minha maneira, é quase como as prateleiras das lojas onde está tudo e mais alguma coisa em exposição. Se formos a ver, o que eu pretendo não é assim tão ridiculo e muito menos muito diferente do que já tenho aqui por casa, a diferença está no facto de por aqui ainda estarem maioria deles arrumados dentro das caixas e metade debaixo da cama.
Será o facto de a Mulher gostar de um roupeiro walk-in, ou neste caso mais especifico, um quarto transformado em roupeiro gigante/escritório uma ideia assim tão estapafurdia quando isso? Eu não acho assim tanto, e teimosa como sou, vou manter as minhas ideias até ao fim.
Até porque com este tipo de arrumação é muito mais fácil  ver o que realmente se têm e não comprar peças parecidas, o que é bom para as economias do casal, não é? No fundo estou só a pensar na poupança disto tudo.  Inclusive porque eu sou daquelas que se esquece de metade das coisas que tem, mas se por acaso alguém as tirar do sitio dá por isso.  E já viram melhor inspiração para escrever posts diários sobre coisas bonitas do que a vista de um quarto com as minhas coisas bonitas? Quantas de vocês não queriam o mesmo, independentemente da quantidade que têm ou não? Um cantinho especial para relaxarem em paz e sossego?
Vá, quem está comigo contra os homens que acham que se trata apenas de simples prateleiras?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.