Life

Múmias, tesouros e cenas tristes.

27 Março, 2017

Foi ontem que o mais-que-tudo, numa tentativa de melhorar um pouco as minhas férias, me levou a ver a exposição que eu tanto queria. Esquecendo o facto de que estamos em Portugal, acabei por ficar imensamente entusiasmada quando tive a informação de que a mesma estava a decorrer até princípios de Maio, com a esperança de ver qualquer coisa fora do comum e já agora, minimamente real. Pode não parecer, até porque as minhas notas a história nunca foram grande coisa, mas eu até sou daquele género de pessoas que prefere uma visita a um museu onde possa adquirir um pouco mais de cultural geral do que uma ida ao cinema.

20170326_195848

Voltando ao que nos trás aqui. A exposição de Tutankamon, que podem visitar no pavilhão de Portugal no parque das nações, relata a descoberta do túmulo do tão enigmático rei do Egipto e dos tesouros que estavam enterrados com ele. Basicamente o que podem esperar é uma apresentação em video relatando tudo o que vão ver mais à frente e sobre como surgiu a tão famosa lenda de Tutankamon (fique registado que não tive o prazer de ver o vídeo, pois informaram-me que não teria tempo de ver o resto da exposição).  A partir daqui, basicamente podem ver uma quantidade de réplicas das fotos reais, captadas no momento da descoberta e a descrição dos vários acontecimentos e objectos encontrados. Até aqui tudo bem, mas o que realmente me desiludiu, e que tirou valor aos 11€ de bilhete que se paga à entrada, são os ditos objectos. Réplicas feitas em plástico a representar os originais que foram encontrados no túmulo juntamente com a múmia. Sim, eu sei, provavelmente pagava muito mais se os mesmos fossem os originais, mas tinha muito mais gosto pagar 20 euros para ver as peças originais, incluindo o sarcófago, do que 11 euros para ver réplicas e um documentário que nem chegam a ver se forem ao fim da tarde.

20170326_191139 20170326_191411 20170326_191758 20170326_191838 20170326_191928 20170326_192658 20170326_192716 20170326_193048 20170326_193115 20170326_193720 20170326_193746 20170326_193947 20170326_194034

É educativo, sim senhora. E é uma boa maneira de conhecer a história e de passar o bom bocado em família, mas seria muito mais bonito se as peças fossem originais (desculpem insistir no mesmo, mas até vocês diriam a mesma coisa). Ainda assim não deixem de visitar, caso sejam fanáticos destas coisas como eu. Não é tempo perdido. Mas tirem o cavalinho da chuva se estão há espera de ficar surpreendidos com aquele factor UAU!.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.