Outros

Gente Mais ou Menos

2 Julho, 2013

A gente pode morar numa casa mais ou menos, numa rua mais ou menos, numa cidade mais ou menos, e até ter um governo mais ou menos. A gente pode dormir numa cama mais ou menos, comer um feijão mais ou menos, ter um transporte mais ou menos, e até ser obrigado a acreditar mais ou menos no futuro. A gente pode olhar em volta e sentir que está tudo mais ou menos. Tudo bem. O que a gente não pode mesmo, nunca, de jeito nenhum, é amar mais ou menos, é sonhar mais ou menos, é ser amigo mais ou menos, é namorar mais ou menos, é ter fé mais ou menos, e acreditar mais ou menos. Senão a gente corre o risco de se tornar uma pessoa mais ou menos.” – Chico Xavier

Nunca isto fez tanto sentido na minha pequenina cabecinha. As pessoas costumam dizer que tudo tem um meio termo, e de certa maneira discordo com isso em vários aspectos. Se vivermos a vida a meio termo, não iremos poder aproveitar o melhor que esta tem para nos oferecer. Claro está que existem situações e situações. Eu costumava ser uma pessoa de ideias fixas, que achava que o mundo me podia por á prova de todas as maneiras que conseguisse e eu lá ia dar a volta por cima, e de certa maneira até era. Até ao momento em que essas mesmas ideias outrora existentes na minha pequena cabecinha deixaram de ser tão fixas. Os momentos felizes passaram a ser momentos mais ou menos. Passei a ser uma pessoa mais ou menos. Tal como eu acredito que existam muitas mais. Mas era suposto. Foi-nos oferecido um presente tão grande como este a que chamamos vida, e deveria ser celebrado ser ser nos aniversários em que nos lembramos que por acaso viemos ao Mundo e fazemos parte de alguma coisa. A verdade é que todos os dias fazemos parte de algo grande e bonito. Existe um estudo que se baseia apenas nisto : “A mente sobre a matéria”. E quantas vezes me podem dizer que a vossa força de vontade influenciou o vosso dia de uma maneira mais positiva, apenas porque a acreditaram nisso com força o suficiente. A humanidade era uma coisa linda, até que a essa mesmo força de vontade de cada individuo foi desaparecendo, e então passamos a ser apenas Gente mais ou menos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.