Life

Exclusivos do verão?

17 Dezembro, 2015

Poderia estar a falar do sol e do calor, mas esses dois já sabemos muito bem que são uma exclusividade que o verão pagou bem a S. Pedro para ter só para si. Hoje venho mesmo falar de gelados. Porque raio é que os gelados são uma coisa que dura o mesmo que as noites de verão?

Ok, é certo que se me apetecer muito um gelado, posso sempre comprar uma caixa deles em qualquer supermercado ou em ultimo caso, ir raptar um sundae de extra caramelo com cokkies da McDonalds, mas sejamos sinceros, quando nos apetece mesmo aqueles gelados de fabrico caseiro em que podemos conjugar duas ou três bolas de sabores diferentes e adicionar as coisas mais estapafurdias na mesma taça, tal como gomas ou m&m’s e todos os toppings que nos apetecer. Aqueles gelados que sabem mesmo a gelado e não a água misturada com leite. Aquele gelado em que o sabor permanece até se derreter por completo na boca. Ai a vontade de eu tenho de comer um gelado caseiro de sabor a menta com pedaços de chocolate e de morango a saber realmente a morango.

Onde há? Já vos disse, é uma exclusividade do verão. Lamento, mas vão mesmo ter de se contentar com o sundae do Mc. E já vão com muita sorte. E atenção, que de sundae’s de extra caramelo percebo eu, e são divinais, mas ainda assim fazem falta os outros. Os bons. Os melhores. Os de Santa Cruz, os da Areia Branca, os de Óbidos. O gelado dos gelados.

Serei eu a única a consumir (ou a querer consumir) estas delicias nesta altura em que as temperaturas não são assim tão convidativas? Gelado é gelado pah! E caso não saibam, faz muito bem ás tipicas dores de garganta desta época.

Revejam lá bem essa coisa de não abrir o negócio no inverno se fazem favor. Que a malta anda a procura de gelados dos bons de menta e chocolate. E por malta, quero dizer eu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.