Beauty

E até que nem foi assim tão mau.

31 Outubro, 2016

Como vos disse, entrei nesta coisa do Halloween com o pé esquerdo e da maneira mais torta que possam imaginar. Ainda aqui há dias me vim para aqui queixar o quanto não gostava disto e de como era obrigada a celebrar este ano, por motivos de força maior no local de trabalho. Queixumes, queixumes…enfim. A verdade é que a coisa nem correu assim tão mau, tornando-se até em momentos divertidos que tiraram o lugar à pressão e ao medo que sentia por ter de fazer algo que não estava minimamente na minha zona de conforto, e refiro-me claro, ás maquilhagens alusivas ao tema. Não só tinha medo delas como ainda as achava muito complicadas de realizar, daí uma maior relutância da minha parte. Pois bem, parece que afinal não me saio assim tão mal no que toca ao assunto, e ainda que as minhas auto-maquilhagens tenham sido saídas de um conto de fadas, ainda consegui realizar algumas que puxavam um pouco mais a um lado negro e terrorífico, que não só me deram gozo de fazer, como ainda me senti perfeitamente à vontade a fazer as mesmas. Claro que cada uma delas, me levou quase duas horas de trabalho, mas tenho de confessar que foi das maquilhagens mais divertidas que já fiz.

halloween1

halloween2

halloween3

Quase que me apetecia obriga-las a nunca mais se desmaquilharem, ou pelo menos a não o fazerem assim tão cedo. Passei o dia olhar para o meu trabalho e a pensar “não está nem de longe perfeito, mas está muito fixe”. Não fiz de nada de mais e no entanto fiquei imensamente contente com isso. Tanta preocupação da minha parte e afinal não foi sequer necessário perder minutos de sono a pensar nisso. Que venha o próximo. 🙂

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.