Life

Como desperdiçar uma manhã.

13 Junho, 2015

E se seguirem as coisas exactamente como eu, pode ser que ainda desperdicem uma boa parte da tarde.

Ora bem, a ideia era, logo de manhã, depois de arrumar a casa (genes da mãe) e deixar as tarefas domésticas todas prontinhas (mais uma vez os genes da mãe), dedicar-me então ao blog e escrever uns quantos posts e ter o resto do dia de “folga” por assim dizer. Pensei logo começar com uma lista de filmes que gostava de ver e que ainda não saíram nos cinemas, e pronto, começou o pesadelo. Liga internet, desliga internet, volta a ligar uma internet diferente e por aí fora. Quando finalmente conseguia aceder pelo menos ao painel do blog, era mais um castigo para conseguir editar fosse o que fosse sem o mesmo bloquear e não me deixar fazer absolutamente mais nada. Lá guardava o texto noutra aplicação e reiniciava o computador para voltar a fazer exactamente o mesmo processo.   Deixem-me dizer-vos que estou desde as 11 da manhã a tentar editar e publicar esse mesmo post mas sem sucesso. Só há coisa de uns minutos atrás é que a internet lá se rendeu, e deixou-me publicar aquele molho de palavras e trailers que já me estavam a fazer perder a cabeça muito sinceramente.

Talvez seja da internet ou talvez não, mas a verdade é que nos ultimos dias, esta coisa da TMN/PT/MEO (já teve mais nomes do que a ultima geração da minha familia) tem estado a falhar como as notas de 20€ na minha carteira e isso não me deixa mesmo nada contente por andar a pagar uma fortuna por um serviço que raramente funciona como deve ser agora. Mas pronto, parando aqui com as lamentações, para não me dizerem que só faço é reclamar, só vos tenho a dizer que se este post demorar mais meio dia para ser publicado, vai computador e tudo o mais janela fora.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.